“O melhor esconderigo a maior escuridão,

Já não serve de abrigo já não dão proteção”

Eng. Hawaii

Quem nunca se sentiu iludido ou desiludido como Neo no filme Matrix dentro de uma grande máquina sugando toda a nossa vida? Quem nunca sentiu que esta sendo enganado ou desenganado por um sistema que nos aliena, nos rouba valores, inclusive monetários? Quem nunca sentiu que não vai da certo, que a esperança que nos oferecem terá um preço bem alto preço e nos manterá viciados. Quem nunca sentiu o fim e que ele esta próximo?

Quem nunca sentiu que essa vida quase não tem sentido? Que a existência esta sob falência? Que o medo e a angústia tomou conta de todos canais de comunicação e que estamos entregue aos prazeres para tentar disfarça nosso desespero, nossos medos? Quem já percebeu que as promessas da modernidade falhou e que os avanços ciêntificos não trouxe a evolução e o mundo perfeito? Quem já não viu que nossa condição humana se tornou muito mais estranha e que nos entregamos como indivíduos as nossas próprias desordem sem saber o que somos?

A grande máquina, a grande ordem, a nova ordem mundial, o deuses deste século tem cegado o entendimento das pessoas e a existência se tornou um fardo pesado de mais para carregar. Rotina, trabalho, trânsito, escola, formação, ônibus, dieta, silicone, estética, decisão, paixão, ganhar dinheiro, comprar um carro, pacote de turismo, sangue, doença, aids, câncer, comidade instantanea, falta de tempo, inveja, ódio, inimizade, concorrência, desordem, violência, crack, cocaina, cachaça, cigarro, mal educado, glutão, afobado, estress, gastrite, o pulso ainda pulsa, a gente não quer só comida, a gente quer a vida, rock´n roll, sexo, sexo, sexo, masturbação, novela das nove, homossexual, aquecimento global, natureza em falência, época dos estremos, político ladrão, governo corrupto, quem é que vai pagar por isso, levando vantagem, mundo caido, ansiedade, neurose, absesssão, aflição, aflição, aflição, aflição, tende bom animo…

Quem não esta imediatamente necessitado de alívio? E como já disse o poêta “O melhor esconderigo a maior escuridão, Já não serve de abrigo já não dão proteção”, não adiante se esconder, como Neo diante da escolha dada por Morfeu, como Alice em um buraco, esta na hora de acordar deste sono indolente, ter coragem e enfrentar a verdade a ter uma atiude que dê liberdade, que dê Alívio Imediáto. Chegou a hora de vêr o mundo com o outros olhos vivendo outra natureza.

“O justo viverá da fé”

Alívio Imeditao também é um forúm que terá sua abertura no dia 24 de março com o seguinte tema: Angústia, sofrimento e paradoxos da nossa geração. O convidado para palestra e abordagem do tema é o pastor Geraldo que também é jornalista, escritor e pesquizador da área. Abertura será 15h no Grito, Av. Guido Marliere, 1170 – Jd Panorama com Iguaçu – Ipatinga.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s