Há um só corpo e um só Espírito, assim como a esperança para a qual vocês foram chamados é uma só; há um só Senhor, uma só fé, um só batismo, um só Deus e Pai de todos, que é sobre todos, por meio de todos e em todos. E a cada um de nós foi concedida a graça, conforme a medida repartida por Cristo. Efésios 4:4-7 

Se você quiser assistir um culto agora ou domingo não terá nenhuma dificuldade, em tempos de bandas largas fica fácil assistir “igrejas” funcionando, você nem precisa frequentá-la, sentar ao lado do irmão(a) “chato” se é que você o vê. Basta ligar a televisão e o “pastor” esta lá, pelo menos falando. Você pode acessar via internet vários cultos, via smartphone, iPad e demais tranqueiras. Vários pastores e suas variáveis idéias e mensagens em inúmeras visibilidades, inúmeros possessos de informações pelos ares.

Vejo que há dois caminhos contemporâneos que a igreja evangélica tem tomado nos dias atuais, pelo menos quanto organização, dos quais um é do entretenimento gospel e que esse seja da moda vigente e o outro é o da prosperidade e auto-ajuda, o positivismo, os dois andam juntos porque entretenimento e moda custa caro e tem que ser “bem” gerido. Pastor bom e visível é de organizações assim, são esses que dão exemplo, “eu sou cara da riqueza”.

É caro um show e não sou contra ser feito, já ajudei organizar vários, só não é tão viável para igreja que conheço. Fica caro uma boa iluminação, uma máquina de fumaça, cadeiras macias, televisão com transmissão ao vivo e internet, ar condicionado central ou espalhados, roupas sacerdotais alinhadas, ficar pagando de santo sucedido, e tudo o que uma boa casa de show possa pedir e para que o evento não pare e as pessoas não desanimem.

Nesses casos é necessário manter o cliente satisfeito, mesmo que isso não faça diferença nenhuma na vida diária e nem na hora de fazer sua mudança, o negocio é ele sair com o mesmo sentimento de quem foi ao shopping com seu ar condicionado central, música ambiente baixinha, atendentes sorridentes sempre prontas a lhe oferecer o melhor, da forma que puder e cumprir sua metas numéricas celulares, depois vem a ceia do McDonalds ou Bob´s e ainda quem sabe um chopinho gelado escondido ou sex shop gospel pra quebrar as regras.

Nestas organizações tudo é muito importante se os indivíduos faz uma ótima compra e aqui igrejas também sustentam marcas como de negócios, como franquias.

Eu vejo uma igreja que ninguém quase vê, eu assisto gente sofrendo quase todos os dias, mas ninguém me vê e ninguém quer saber de sofrimento de ninguém. Oramos por sofrimentos, compartilhamos sofrimentos diários na mesa de suplicas. A noiva de Cristo sofre, sofre muito, homossexuais sofrendo a dor de ser rejeitados, missionários que vendem o almoço pra comprar a janta, festivais que lutam contra corrupção feito com tudo reciclado, amigos sofrendo porque perdeu emprego e outros porque gastou o que não tinham, pais que  querem cuidar da família, companheiros que lutam contra o vício compulsivo da pornográfica, do consumismo, da cocaína, do álcool e de não ter que dar uma porrada na cara do patrão, acompanho casos de brigas feias de se ver e muitas outras situações que não serão transmitidas pela vias de divulgação de uma “boa” organização, pode queimar o filme. Porém nesses anos de ministérios o que mais assisto em algumas situações é a profunda hipocrisia de quem é santo bem sucedido em tudo, uma maquiagem linda que se desfaz como a de artista da Rede Globo após a novela. O ruim de igreja que se vê, é vê que somos pecadores, o ruim de nos vermos, são as pessoas lhe conhecerem de perto, diferente de igrejas de longe.

Existe uma igreja que ninguém quer ver, mas ela esta lá, mesma se fantasiando, se iludindo com todo entretenimento para se ver de outra forma!

Prefiro ver a noiva de Cristo em Cristo que também sou igreja que me vejo.

Joaquim Tiago

24/7/13

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s