O que podemos ser agora?

“E as coisa que vão acontecer amanhã? Ninguém se lembrará delas também. Você acha que será lembrado? Pode esquecer!” (Eclesiastes 1.1-11) Se tem algo que gostaria muito de saber esse é o amanhã. Queria muito prever o futuro da minha vida e das pessoas que amo. Quando olho para frente e tento enxergar só vejo... Continue lendo →

Anúncios

O que restou da vida?

“O que resta de uma vida inteira de trabalho sofrido? Uma geração passa e outra geração chega, mas nada muda – é sempre a mesma coisa.” (Eclesiastes 1.1-11) Trabalhamos para receber o emprego e o emprego geralmente não faz do trabalho seus planos. “Meus amigos todos estão procurando emprego” (Legião). O que afinal queremos ganhar,... Continue lendo →

Gastando os olhos que já não enxergam

“Será que os olhos não casam de ver nem os ouvidos de ouvir? O que foi será novamente, o que aconteceu acontecerá de novo.” (Eclesiastes 1.1-11) O que chama nossa atenção, desperta nosso olhar? As passagens de todas as coisas? Quando tentamos contemplar uma obra de arte e não vemos além do ilustrado seu significado,... Continue lendo →

Gastando a vida sem sentido

“O que foi será novamente, o que aconteceu acontecerá de novo. Não há nada de novo nesse mundo.” (Eclesiastes 1.1-11) As novelas repetem as mesmas histórias e os dramas são os mesmo em cada culto. Cantamos as mesmas musicas e a comunicação já não é do mesmo jeito, mas é são as mesmas vozes de... Continue lendo →

Um sentido para gastar a vida

"É tudo um tédio só! É uma mesmice sem tamanho! Nada tem sentido! (Eclesiastes 1.1-11) A ilusão da vida e a vida que é uma ilusão. O que podemos esperar da vida quando tudo que esperamos já não é tão real.  O que vai mudar tão rápido, o tempo muda, mas nem tudo muda como imaginamos.... Continue lendo →

Como você vai gastar sua vida?

“Elimine a causa e o efeito cessa.” (Miguel de Cervantes) Existem formas de conhecermos as pessoas e uma bem funcional é quando usamos nomes comuns agregados ao que fazem da vida, por exemplo: Você conhece seu José? Qual José? O José carpinteiro. Você conhece a dona Maria? Qual? Dona Maria esposa do José Carpinteiro. Somos... Continue lendo →

O que esperar de 2016?

Quando falamos em esperar, falamos no presente olhando para o futuro? Indagamos o futuro prevendo algumas situações com base em informações que temos e formulamos. As informações podem vir da base do medo, da angustia e da ansiedade. Não temos certezas que nos garanta tudo que imaginamos, mesmo assim gostamos de ficar com a cabeça... Continue lendo →

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: