bastardos

Esta havendo uma pequena confusão de entendimento entre o que são as Comunidades Alternativas ou como são ainda denominados “Underground” e o que é esse “Neocalvinismo” de viés Norte Americano (rótulos tentando definições).

O neocalvinismo norte americano são “transformacionista” ou “modelo do reino confessional”, que defendem a princípio um engajamento cultural, modelo que deve muito a obra de Abraham Kuyper. Porém nas terras do Tio Sam um dos grupos da direita religiosa cristã entendia que a mudança cultural acontece principalmente por meio do ativismo político. Seus primeiros articuladores foram Francis Shaffer, Chuck Colson e outros… (veja Ig. Centrada, pg. 233). “A direita cristã, naturalmente, acredita que uma cosmovisão bíblica coerente leva a uma filosofia política CONSERVADORA.” (KELLER, Tim – Ig. Centrada, pg 233).

Em ambos os movimentos o engajamento e estilo cultural são parecidos, tal como as musicas (rock’n roll e suas variações), roupas e mais alguns adereços.

Porém existem diferenças teológicas, filosóficas e políticas, claro que isso não pode interferir na salvação em Cristo.

Uma onda mais conservadora vem acontecendo na sociedade em vários setores, inclusive o político teológico ou político religioso, o neolcavinismo de viés citado tem essa cosmovisão de transformar a cultura por vias políticas conservadoras. Acontece que muitos alternativos e rock’n roll estão se tornando também conservadores (acho estranho). Devem ser respeitados e como cristãos conseguirmos viver juntos (Cristo esta acima dos rótulos e movimentos) outros ainda continuam alternativos ao ‘Status Quo’, não só no estilo cultural de roupas, músicas e tattoo, mas também social e político religioso.

Comunidade Cristã “underground” pode continuar firme com os princípios bíblicos imutáveis, mas entender a vivência social, política e ética de outra maneira, com uma renovação de consciência, atitude, liberdade e verdade.

” o mundo é sem princípios. É uma selva la fora! Ninguém joga limpo. Mas o cristão não vive e nem age desse modo. Nunca nos comportamos assim e jamais o faremos. As ferramentas que usamos não são para propaganda ou manipulação, mas para demolir essa cultura dominante corrupta. ” (2Co 10.3-6)

Joaquim Tiago Bill

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s